Meu filho não é um líder. E agora???

            crianca

Essa semana, na reunião da escola de meu filho, a professora citou os alunos líderes.

Senti uma energia de frustração dos pais que tiveram os nomes dos filhos excluídos da lista, mas afinal, por que é tão importante ser um líder?

Não é!

Porém, a sociedade e o Sistema obrigam as pessoas a se encaixarem em um perfil ideal, no qual, características como liderança, extroversão e criatividade são extremamente exaltadas.

O que ocorre com aquele não possui essas características? Geralmente “vive” um papel, se forçando a desenvolver tais características: faz cursos, lê livros, participa de workshops,  mas como esse não é seu estado natural e ninguém consegue sustentar um papel por muito tempo, acaba gerando frustração e, muitas vezes, iniciando um estado depressivo.

É preciso que a pessoa olhe para si, desconstrua o papel que criou para agradar o Sistema, se entenda como é e mude apenas o que verdadeiramente a incomoda.

Quando a pessoa se entende com ser único e individual (falando aqui sobre individualidade e não, individualismo), vive melhor consigo, respeita a individualidade do outro e, consequentemente acaba contribuindo para um mundo melhor.

 

“Todos somos gênios. Mas se você julgar um peixe pela sua habilidade de escalar uma árvore, ele vai passar toda a vida dele acreditando que é um estúpido.”  Albert Einstein